Homem morre após endoscopia em Feira de Santana e Samu deixa corpo em sofá da casa onde morava

Na última quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019, quando o industriário Edilberto Lopes Batista, 51 anos, saiu de casa não imaginava o que aconteceria horas depois. Ele tinha um exame de endoscopia agendado no Instituto de Doenças do Aparelho Digestivo (Idad), em Feira de Santana, mas não saiu de lá com vida.

O plano de Edilberto era sair do procedimento e ir direto para o trabalho, mas sofreu complicações durante o exame e morreu na clínica. Depois disso, uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ainda pegou o corpo do industriário, levou para a casa onde ele morava e o deixou em cima do sofá da sala.

A família ficou revoltada com a situação. Filha mais velha do paciente, a estudante de enfermagem Naila Lopes, 28, acompanhava o pai durante o exame, quando notou uma movimentação estranha, com “muitos médicos entrando e saindo na sala do exame”.

Por conta da experiência com enfermagem, ela desconfiou que alguma coisa poderia ter acontecido com o pai e perguntou o que estava acontecendo, mas os profissionais da clínica disseram que “socorriam uma funcionária que havia se sentido mal”.

Dez minutos depois, segundo conta Naila, médicos do Samu chegaram à clínica e foram para dentro da sala com um desfibrilador. Assustada, a menina temeu que algo tivesse acontecido com seu pai e tentou invadir a sala do exame, mas foi contida por funcionários da clínica. 

Na tentativa de acalmar a filha do paciente, os médicos informaram que Edilberto sofreu um edema de glote, mas que tinha sido reanimado e a situação estava sob controle. Eles pediram, ainda, que ela chamasse algum outro familiar para fazer companhia a ela na unidade. Nervosa, Naila ligou para uma prima e relatou o ocorrido. Pouco depois, a parente chegou à clínica e as duas foram informadas sobre a morte.

“Falaram que tentaram reanimar por mais de uma hora e que ele morreu. Depois me deram as costas”, desabafou a estudante.

Com a morte confirmada, Naila tentou invadir o consultório mais uma vez e se deparou com o corpo do pai, morto e ainda com o tubo da endoscopia na garganta. 

“Eu vi meu pai com o corpo todo inchado e uma vermelhidão enorme no tórax. Eu que tirei todos os acessos de meu pai e vi”, contou ela, ao CORREIO, por telefone.

Corpo largado no sofá

Depois de passar por esse trauma, Naila ainda foi informada de que o corpo do pai não poderia ficar no consultório e que ela teria de levá-lo, sem vida, para casa, com auxílio de uma ambulância do Samu.

O corpo de Edilberto foi colocado em uma cadeira de rodas e foi levado para casa onde morava. No local, estava, a viúva da vítima e as outras filhas do casal, de 12 e 13 anos. Sem maiores informações, a equipe médica pegou o corpo do paciente, deixou no sofá.

“O corpo sem vida de meu pai ficou quase 6h no sofá de casa”, contou a filha mais velha.

O irmão de Edilberto, Miguel Arcanjo Batista, também estava bastante abatido com toda a situação.  “Deixaram lá como se fosse um qualquer, um indigente”, lamentou.

O corpo do industriário só foi removido do local quando familiares acionaram a polícia. 

Surpresos com o atestado de óbito, cujo laudo apontava “morte por causa indeterminada”, eles procuraram a Polícia Civil e pediram ajuda. Uma equipe do Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana foi até o apartamento e fez a remoção do cadáver para o Instituto Médico Legal (IML).

Prevendo que o corpo ficaria endurecido após a morte, Naila imobilizou o pai com lençóis para que ele pudesse ser colocado em um caixão – caso ela não fizesse isso, seria necessário quebrar ossos da vítima para que ele coubesse na estrutura.

Edilberto foi enterrado na última quinta-feira (14), no Cemitério São João Batista, em Feira de Santana.

Fonte: Correio.


Um comentário sobre “Homem morre após endoscopia em Feira de Santana e Samu deixa corpo em sofá da casa onde morava

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s