Desembargador ignora Moro e determina que Lula seja solto imediatamente

Na tarde deste domingo, 08 de julho de 2018, em novo despacho, o desembargador Rogério Favreto determinou a imediata soltura de Lula em meio a “entraves e retardo no cumprimento da decisão”.

images_cms-image-000597096

O desembargador Rogério Favreto, do TRF-4, ignorou despacho do juiz Sergio Moro e determinou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva seja libertado imediatamente da prisão pela segunda vez neste domingo (8).

DECISAO (1)

“Registro ainda, que sem adentrar na funcionalidade interna da Polícia Federal, o cumprimento do Alvará de Soltura não requer maiores dificuldades e deve ser efetivado por qualquer agente federal que estiver na atividade plantonista, não havendo necessidade da presença de Delegado local”, afirma o novo despacho.

Mais cedo, Favreto determinou soltura do ex-presidente ainda neste domingo, alegando que a prisão de Lula não tem base judicial consistente. Em resposta, Moro determinou em despacho que não cumpriria a decisão porque o desembargador é “incompetente”.

Fonte: G1.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s