Greve de caminhoneiros começa a gerar problemas de abastecimento

Nesta quarta-feira, 23 de maio de 2018, os protestos de caminhoneiros contra o aumento do diesel chegaram ao terceiro dia de bloqueios de estradas em diversos estados e começaram a provocar problemas de abastecimento – apesar de o governo ter sinalizado concessões.

897c021cdf7c2deef0517dc14c6476efe113364f

Em 14 dos 27 estados havia registros, no começo desta tarde, de pelo menos seis bloqueios. Nas regiões sul e sudeste, eram de 10 a 40, segundo relatório da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A gestora do aeroporto internacional de Brasília, Inframérica, indicou que a reserva de combustível para aviões só “é suficiente até o fim da tarde de quarta-feira”, devido à retenção de caminhões no entorno da capital.

Os postos de gasolina do Rio de Janeiro também correm o risco de ficar secos, disse à AFP um porta-voz do Sindicato de Comércio de Combustíveis (Sindcomb).

“Já estão faltando produtos em praticamente todos os postos com os quais entramos em contato. A maioria foi abastecida pela última vez na segunda-feira. Em alguns casos, não vai haver mais combustível hoje mesmo, outros até sexta-feira”, afirmou.

O movimento também afeta os Correiros. Alguns serviços de entrega rápida foram suspensos pelo risco de atrasos.

– Medidas concretas –

Os caminhoneiros decidiram manter os protestos, apesar das medidas anunciadas na noite desta terça-feira. O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, se disse disposto a eliminar o imposto sobre os combustíveis (Cide) se o Congresso suprimir algumas isenções fiscais às empresas, para compensas a queda na arrecadação.

“Até um posicionamento efetivo do Governo, a entidade pede firmeza nos protestos de todas as regiões do país”, escreveu José da Fonseca Lopes, presidente da Associação Brasileira de Caminhoneiros (Abcam), entidade que convoca os protestos.

Fonte: IstoÉ.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s